Eu quero é botar meu bloco na rua....

Quando essa música foi lançada eu era bem menina e a letra me marcou para sempre, pois cantei essa letra em muitos momentos de aflição. Toda vez que me sinto acuada é essa música que me vem a cabeça e saio cantarolando....
Como me relaciono com pessoas mais jovens que eu, a maioria nunca tinha ouvido isso, senão na boca dessa velha senhora.
Pois é galera, achei a prova de que essa música não é só um devaneio senil.
O vídeo contém cenas fortes, por isso quem não gosta de cenas de violência, não veja.

Eu Quero É Botar Meu Bloco Na Rua

Composição: Sergio Moraes Sampaio

Há quem diga que eu dormi de touca
Que eu perdi a boca, que eu fugi da briga
Que eu caí do galho e que não vi saída
Que eu morri de medo quando o pau quebrou

Há quem diga que eu não sei de nada
Que eu não sou de nada e não peço desculpas
Que eu não tenho culpa, mas que eu dei bobeira
E que Durango Kid quase me pegou

Eu quero é botar meu bloco na rua
Brincar, botar pra gemer
Eu quero é botar meu bloco na rua
Gingar, pra dar e vender


Eu, por mim, queria isso e aquilo
Um quilo mais daquilo, um grilo menos disso
É disso que eu preciso ou não é nada disso
Eu quero é todo mundo nesse carnaval...

Eu quero é botar meu bloco na rua
Brincar, botar pra gemer
Eu quero é botar meu bloco na rua
Gingar, pra dar e vender


2 comentários:

Pensador Louco disse...

Foi muito bom lembrar dessa música.

Me levou de volta a outros tempos.

Grande postagem.

O bEM viVER disse...

Oi, que música jóia! Muito boa a letra, não abri o vídeo, mas acredito que tem um ritmo contagiante.

Abraço,

Lena

Postar um comentário

Obrigada por fazer um comentário.
"Ah! se todo mundo fosse igual a você..."
Abraços

Hoje é

Seguidores

Dihitt

Google+ Followers

  ©The New Web Post - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo